Maria João Ceitil

Maria João Ceitil

HR Consulting Coordinator da CEGOC

A ocupar atualmente o cargo de HR Consulting Coordinator na CEGOC, é ainda detentora de uma vasta experiência como Consultora e Formadora nos domínios de Gestão de Recursos Humanos, Gestão da Performance Organizacional e Executive Coach.

Ao nível da formação superior, possui um Mestrado Integrado em Psicologia Clínica pelo Instituto Superior de Psicologia Aplicada (ISPA), um Mestrado em Gestão do Potencial Humano pelo Instituto Superior de Gestão (ISEG) e uma Pós-Graduação em Gestão dos Recursos Humanos, na Perspectiva da Gestão com as Pessoas, pela Universidade Lusófona.

Possui também diversas certificações e formações, nomeadamente a Certificação em Executive Coaching pela Escola Europeia de Coaching de Lisboa, a certificação em Dynamic Coaching pela Go4 Consulting e a Formação Pedagógica Inicial de Formadores pela CEGOC.

Home Working e stress relacionado com o trabalho

 Home Working e stress relacionado com o trabalho

Encontramo-nos num momento histórico muito particular, no qual, em pouco tempo, vimos os métodos de trabalho utilizados até então interrompidos. De facto, no contexto da propagação do novo Coronavírus (COVID-19), são muitas as medidas preventivas já adotadas pelas organizações para garantir a todos os seus colaboradores um plano eficaz de Smart Working – com a

Maria João Ceitil

Transformação, competências e aprendizagem: como preparar o futuro?

 Transformação, competências e aprendizagem: como preparar o futuro?

A CEGOC integra o Grupo CEGOS, organização líder internacional nas áreas de formação e desenvolvimento, com 93 anos de experiência e presença ativa no setor da formação e desenvolvimento em mais de 50 países. No passado mês de junho, a CEGOS divulgou os resultados do estudo europeu que contou com a participação de 2227 colaboradores

Maria João Ceitil

Os 7 Pecados da Passividade “Simpática”

 Os 7 Pecados da Passividade “Simpática”

Em época tradicional de férias inevitavelmente temas como a procrastinação, a inércia e a tendência para o aumento de uma atitude mais passiva surgem como fontes de preocupação das organizações, na tentativa de minimizar os impactos na produtividade decorrentes não só da ausência de colaboradores em férias, como de um “mindset” relativamente generalizado de apatia

Maria João Ceitil

Inteligência: emoção ou conhecimento?

 Inteligência: emoção ou conhecimento?

Einstein disse: “O verdadeiro sinal de inteligência não é conhecimento, mas imaginação”. Por sua vez, Sócrates afirmou “eu sei que sou inteligente, porque sei que nada sei”. Durante séculos, os filósofos tentaram identificar a verdadeira medida da inteligência. Mais recentemente, neurocientistas, psicólogos e teóricos das ciências do cérebro procuram desvendar os mistérios ocultos no nosso

Maria João Ceitil

Subscreva o Blog

For security reasons, JavaScript and Cookies must be enable in your browser to subscribe